Você conhece as 5 modalidades da natação?

A natação é considerada a atividade física mais completa porque exercita os principais grupos musculares, além de movimentar as articulações e ajudar os desenvolvimento cardiovascular e respiratório. Sem contar que o esporte auxilia no tratamento de asma e bronquite. Agora, que tal conhecer as cinco modalidades de nado.

Crawl:  a principal, a mais rápida e também a mais fácil, a modalidade crawl também é a mais praticada no mundo. Pode ser realizada por pessoas de todas as idades, inclusive os idosos, pois o movimento simples dos braços e as pernadas do crawl permitem que trabalhe bastante bíceps, tríceps, quadríceps, peitoral e músculos interiores da perna. A técnica de nado crawl é baseada em braçadas alternadas, com o nadador flexionando os cotovelos enquanto puxa a água com as mãos, além das batidas de pernas. Quando necessária a virada, o atleta faz a cambalhota, girando o corpo para apoiar e empurrar os pés contra a parede e retomar o nado.

Costas: também é muito indicada para os iniciantes.  Trabalha os músculos posteriores das coxas, músculos costais, trapézio, tríceps, panturrilha e glúteos. O nado costas tem uma técnica semelhante ao crawl, em que os braços e pernas trabalham alternadamente. As mãos trabalham como pás, puxando a água num movimento giratório.

Borboleta ou nado golfinho: é considerada a modalidade mais difícil porque utiliza utilização alguns músculos e movimentos que não costumam ser muito usados no dia-a-dia. O nadador permanece com a barriga para baixo e movimenta o corpo através de ondulações do quadril e pernas.

Peito: é a modalidade mais antiga. Não é tão difícil quanto o borboleta, mas apresenta uma série de movimentos que podem trazer alguma dificuldade para os iniciantes. Trabalha bem os bíceps, músculos interiores da coxa, adutores e o todo o peitoral.  O atleta permanece de barriga para baixo e se movimento na água a partir de deslocamento dos braços e pernas de forma simultânea, com o intuito de puxar  água em direção ao peito e jogando os braços para frente.

Medley: é a junção das outras quatro modalidades, pois a cada virada de piscina o nadador deve mudar de estilo. As provas podem ser feitas individual ou coletivamente, apenas alterando a forma de inicio.

Fonte: SwinChannel