Natação, mais que um hobby para portadores de necessidades especiais

A natação é um dos esportes mais versáteis quando se trata de inclusão social, pois é capaz de se adaptar às necessidades de cadeirantes, deficientes visuais e físicos, além de pessoas com algum tipo de deficiência intelectual, em casos de aulas reabilitação e até mesmo para alto rendimento e participação em competições.

Para pessoas portadoras de necessidades especiais, como Síndrome de Down e Autismo, a natação é capaz promover maior desenvolvimento, saúde e autonomia. Com os exercícios corretos e a orientação de profissionais capacitados, a atividade na água auxilia no desenvolvimento e na melhoria das habilidades de portadores de necessidades especiais, através de movimentos livres e pré-determinados que trabalham mobilidade, disciplina e interação social de forma adaptada.

Para portadores de necessidades, a natação pode ser um hobby, uma forma de manter a saúde, desenvolver autonomia e autoestima, mas também pode se tornar carreira. Em competições paraolímpicas na piscina, o Brasil já conquistou 102 medalhas, sendo a segunda modalidade que mais rendeu medalhas ao país, o que mostra o preparo e a evolução desse esporte.

Fontes: http://www.cpb.org.br/#

Natação Paraolímpica

http://www.efdeportes.com/efd137/natacao-para-portadores-de-necessidades-especiais.htm