Aluguel de piscinas chega ao Brasil

Para quem quer nadar ou mergulhar, evitando aglomeração, mas não tem uma piscina em casa, uma boa dica é o aluguel de piscinas, inspirado no Airbnb. Tendência no exterior durante o verão passado, o serviço de aluguel de piscinas particulares agora está também disponível no Brasil.

O negócio é bom para os donos de piscina, que conseguem uma renda extra, e para quem aluga, que pode desfrutar de momentos refrescantes de lazer sem se preocupar com a manutenção. O processo de locação é feito online, por meio de plataformas que oferecem o serviço, presente em vários estado do País.

O aluguel costuma ser por hora de uso e pode variar de R$ 50,00 a R$ 300,00 a hora, dependendo da piscina, da vista e dos equipamentos de lazer que podem ser usados como churrasqueira, quadra, sala de jogos entre outros.

Para garantir a segurança nesses tempos de pandemia, o número de pessoas por aluguel é limitado. Além disso, há um intervalo mínimo de uma hora entre as reservas para que o anfitrião faça a higienização adequada das áreas de uso comum. Outras exigências são uso de máscara fora da piscina e distanciamento social.