Tomar banho depois da piscina: necessidade ou frescura?

Depois de relaxar na piscina, é realmente necessário tomar banho? Essa foi uma discussão gerada no BBB recentemente, após uma das participantes dizer que iria dormir sem se lavar, já que havia ficado na piscina o dia inteiro.

Segundo William Millett, consultor da Associação Brasileira da Indústria de Álcalis, Cloro e Derivados (Abiclor), é necessário entrar no chuveiro após a piscina pelos mesmos motivos que tomamos banho depois de ficarmos no mar. A água do mar possui diversos tipos de sais, formas de vida, resíduos orgânicos, poluentes etc. Além disso, nossa pele ainda pode conter protetor solar. Assim, a recomendação é tomar banho para eliminar qualquer impureza. 

No caso da piscina, mesmo contendo uma quantidade menor de sais dissolvidos, a água também possui um pouco de sais e de substâncias com cloro ativo, responsáveis por mantê-la saudável e livre de micoorganismos, garantindo a saúde e segurança dos usuários.

Apesar desses compostos não serem prejudiciais à saúde, eles “devem ser removidos por questões de boas práticas de higiene pessoal”, orienta o consultor da Abiclor. Dessa forma, é possível evitar coceiras leves ou mesmo o conhecido “odor de cândida”, no caso de piscinas com teores muito elevados de cloro ou que não foram tratadas corretamente.

Portanto, a recomendação é aproveitar o verão sem se esquecer de cuidar muito bem da higiene!