O futuro da natação é de Cuiabá

O estado de Mato Grosso é responsável por exportar grandes nadadores para clubes do Brasil inteiro. O caso mais recente é o do nadador Nathan Bighetti, de 17 anos, contratado pelo Minas Tênis Clube após se destacar nos campeonatos estaduais cuiabanos.

Só neste mês o atleta conquistou medalhas nas principais competições que disputou: faturou o ouro no Sul-americano pela seleção brasileira, medalha no Troféu Maria Lenk e se destacou no Brasileiro Júnior disputado em Brasília.

Com sua ótima performance, Nathan despertou o interesse de equipes nacionais. Apesar de sentir as dificuldades de ser um jovem independente, os objetivos para o próximo ano impulsionam o nadador. “Com o tempo me acostumei e hoje vivo muito bem. No mês de junho vou para a Califórnia, nos Estados Unidos, para uma competição junto com os principais nadadores do clube. E no fim do ano vai ter uma seletiva para as Olimpíadas, vai ser a minha primeira tentativa de participar dos jogos”, concluiu Nathan.

Mais aqui.