Dicas de cuidados com a piscina inflável

Temperaturas elevadas e isolamento social pedem um mergulho na piscina para se refrescar. As piscinas infláveis são uma opção prática e mais em conta. Então, se animou pela possibilidade? Então, veja algumas dicas para se divertir de forma segura e prolongada nessas piscinas.

Montagem da piscina – Escolha um lugar limpo e plano, para evitar rasgos na estrutura. Para proteger ainda mais o produto, coloque uma lona na parte debaixo.

Tratamento da água – O cloro é indispensável. Se optar pelo cloro líquido, coloque 15 ml para cada mil litros de água ou 4g de cloro granulado para cada mil litros de água. Essa operação deve ser realizada pelo menos três vezes por semana e de preferência à noite. A piscina deve ficar inativa, sem uso, pelo período de 10 horas. Importante ainda utilizar semanalmente algicida, para evitar o desenvolvimento de algas e laterais escorregadias, na proporção de 5 ml para cada 1.000 litros de água.  O uso de clarificante também é recomendável quando a água estiver turva e esverdeada (4 ml para cada 1.000 litros de água).

Limpeza das laterais – Limpe com um pano úmido ou escovinha. Fiquei atento para verificar se a piscina não está danificada nessa região, pois caso é hora de comprar uma nova.

Cubra a piscina – Se você optar por deixá-la montada, cubra com lona quando não estiver usando, para evitar sujeira e que o local vire morada do Aedes.