#VotaLeiDoGás: Abiclor apoia esta causa

A Abiclor é uma das entidades que está apoiando a mobilização virtual por meio da hashtag #VotaLeiDoGás em favor da aprovação pelo Senado do Projeto de Lei do Gás, que trará competitividade ao setor e redução de custos dessa matriz energética. A expectativa é de que o PL 4.476/2020, já aprovado pela Câmara dos Deputados, seja votado esta semana pelos senadores para que possa ser sancionado pelo presidente da República.

Com a aprovação da nova Lei do Gás, a Confederação Nacional da Indústria (CNI) estima que os segmentos intensivos em energia, como o químico, o siderúrgico e o de papel e celulose, deverão investir US$ 31 bilhões nos próximos dez anos, gerando empregos e ajudando na retomada da atividade econômica. A abertura do mercado de gás deverá reduzir o preço do insumo e, consequentemente, o preço da energia elétrica, pois parte das usinas térmicas usa o combustível para gerar eletricidade.


O novo arcabouço legal que está para ser votado no Senado facilita a entrada de novos agentes no mercado e confere segurança jurídica à quebra de monopólio da Petrobras, o que deve contribuir para reduzir o custo do insumo. Segundo estudo divulgado pela CNI, o gás natural no Brasil é o mais caro em uma lista de 13 países escolhidos, a preços de 2019, superando até mesmo o Japão, país que é 100% importador do produto.


A indústria brasileira, maior consumidora de gás no país, está com consumo estagnado na casa dos 40 milhões de metros cúbicos por dia, há dez anos.