Home / indústria / Acidentes nas rodovias com cargas químicas crescem com uso de celular ao volante

Acidentes nas rodovias com cargas químicas crescem com uso de celular ao volante

A melhora dos indicadores de acidentes no transporte rodoviário com cargas químicas, que caiu cerca de 80% desde 2006, quando começaram os primeiros exercícios simulados e workshops, está sendo ameaçada pelo uso do celular ao volante. Isso mesmo!

De 2015 para cá, o Índice de Acidentes do Transporte Rodoviário ( por 10 mil viagens ) voltou a acelerar, como mostra o gráfico acima. Saiu de 0,18 para 0,30 em 2017. Dados da Abiclor revelam que os acidentes mais comuns nos últimos três anos são batidas na traseira dos veículos com cargas químicas provocadas por motoristas que usavam o celular enquanto dirigiam.

“Estamos muito preocupados com esse aumento do número de acidentes, envolvendo o transporte de produtos químicos”, afirma o assessor técnico, Nelson Felipe Júnior. Ele explica que os motoristas do setor de cloro-álcalis passam por um rigoroso treinamento e estão conscientes do perigo que é usar celular ao volante, mas não é possível garantir que esse treinamento ocorra em outros setores de atividade.

Veja também

Imprensa do Ceará destaca conquista de brasileiros na Olimpíada Ibero-americana de Química

A conquista de medalhas de ouro, prata e bronze pela equipe brasileira formada por três ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *