Home / Sem categoria / Importações de produtos químicos crescem 14,2% e somam US$ 3,2 bilhões em maio

Importações de produtos químicos crescem 14,2% e somam US$ 3,2 bilhões em maio

O Brasil importou US$ 3,2 bilhões em produtos químicos no mês de maio, recuo de 23,0% em relação a maio de 2014 e aumento de 14,2% em relação a abril de 2015. De janeiro a maio foram importados US$ 15,1 bilhões, valor 13,2% menor que no mesmo período do ano passado. A quantidade importada nos primeiros cinco meses de 2015 foi de 12,6 milhões de toneladas, queda de 18% comparadas ao acumulado de janeiro a maio de 2014.

Já as exportações brasileiras de produtos químicos alcançaram um pouco mais de US$ 1,0 bilhão em maio, redução de 2,5% em relação a abril, e de 14,7% em relação a maio de 2014. No acumulado do ano, até maio, as vendas externas somam US$ 5,2 bilhões, valor 8,9% inferior ao registrado em igual período do ano passado.

O déficit acumulado da balança comercial de produtos químicos atingiu US$ 9,9 bilhões entre janeiro e maio deste ano. Nos últimos 12 meses, de junho de 2014 a maio de 2015, o déficit em produtos químicos foi US$ 29,4 bilhões, confirmando a expectativa de manutenção desse indicador com pequeno desvio em relação ao déficit recorde registrado em 2014, de US$ 31,2 bilhões. As exportações de produtos químicos movimentaram 6,1 milhões de toneladas de janeiro a maio de 2015, crescimento de 3% em relação ao acumulado de janeiro a maio de 2014.

As resinas termoplásticas, com vendas de US$ 707 milhões, foram os produtos químicos mais exportados pelo País, até maio. Os intermediários para fertilizantes permanecem como o principal item da pauta de importações químicas, respondendo por 13,9% do total das importações de produtos químicos. Contudo, entre janeiro e maio, as compras desses produtos diminuíram 21,4% em relação ao mesmo período de 2014, totalizando US$ 2,1 bilhões.

“A quantidade importada de produtos químicos vem caindo desde novembro de 2014, mostrando estagnação no mês de maio, o que evidencia queda na produção e no consumo de mercadorias a jusante na cadeia de valor”, destaca Denise Naranjo, diretora de Assuntos de Comércio Exterior da Abiquim.

Veja também

Abiclor participa amanhã de reunião da Mesa Executiva da Indústria Química de Base, em Camaçari (BA)

O diretor-executivo da Abiclor, Martim Afonso Penna, participa nesta quinta-feira, 25, nas instalações da Braskem, ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Deprecated: Directive 'track_errors' is deprecated in Unknown on line 0